Destaques

domingo, 11 de dezembro de 2011

Brasil gasta 3 vezes mais com detentos do que com universitários

Destino do dinheiro é incerto, já que sistema carcerário não corresponde a investimento

O governo brasileiro gasta três vezes mais com um detento do que com um estudante universitário. O país tem mais de 500 mil presos, cada um dos que estão presos em presídios estaduais custa aos bolsos públicos R$ 21 mil, nos presídios federais o valor chega a R$ 40 mil. Em contrapartida, a quantia gasta com os estudantes do ensino médio é de R$ 15 mil cada um.



Nos presídios estaduais, onde está a maioria dos presos do país o valor gasto com cada detento é de R$ 21 mil, quase dez vezes mais do que o investido por aluno de ensino médio (R$ 2.300). O Plano Nacional de Educação que está em tramitação na Câmara dos Deputados quer melhorar a distribuição de dinheiro e aumentar os investimentos na educação.



A proposta do governo é elevar o investimento na área de 5% para 7% do PIB ( Produto Interno Bruto). Os movimentos sociais que analisam e lutam por uma educação melhor defendem um aumento de 5% para 10%. O PNE deve ser aprovado no ano que vem e vai definir as metas a serem cumpridas na área entre 2012 e 2022.

Assista à reportagem:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opinião acerca da publicação acima.