Destaques

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

Kidó, Kidó ! Assaltante tenta roubar moto e é agredido por moradores


Minas Gerais registrou ontem mais um caso de moradores que reagiram a um assalto. Desta vez, dois criminosos foram presos depois de atacarem um salão de beleza no bairro Ouro Minas, na região Nordeste de Belo Horizonte. Um deles foi atingido por um banco e agredido pelas pessoas que pouco antes haviam sido vítimas da dupla.

Os suspeitos entraram no salão durante a manhã de ontem, armados com um revólver calibre 22 e renderam os clientes e funcionários que estavam no local. Eles exigiram que um deles entregassem a chave de uma moto que estava estacionada na porta do estabelecimento.

A vítima, um ajudante de pedreiro de 23 anos entregou a chave do veículo para os criminosos, que subiram na moto e se prepararam para fugir. Foi aí que o proprietário da motocicleta pegou o banco em que estava sentado e atirou em direção à dupla.

"Quando eu arremessei o tamborete, o garupeiro caiu, e o outro arrancou em alta velocidade. Eu avancei contra o ladrão e consegui desarmá-lo, mas ele ainda tentou fugir correndo", contou a vítima.

O criminoso foi perseguido pela vítima e por moradores da região e, após ser alcançado, foi agredido pela população. A Polícia Militar precisou intervir para evitar que o jovem fosse linchado. "Quando chegamos, ele já estava muito machucado e algumas pessoas queriam continuar agredindo o suspeito", informou o sargento Nirlando Oliveira.
Ferimentos. Ramon Paixão dos Anjos, 20, ainda tentou se passar pelo irmão, um adolescente de 17 anos, mas a polícia descobriu sua verdadeira identidade. Ele sofreu três cortes no rosto, quebrou o nariz e foi levado para o Hospital Risoleta Neves, na região de Venda Nova. Ele foi preso. Seu comparsa foi preso logo depois, e a moto foi recuperada.

A arma usada pelos bandidos para ameaçar as vítimas durante o assalto foi entregue para a polícia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opinião acerca da publicação acima.