Destaques

sábado, 10 de novembro de 2012

DIRIGENTES DE CLASSE REUNIRAM-SE COM DEPUTADO E SECRETÁRIO DE GOVERNO PARA PROPOR MUDANÇAS NO PROJETO DE PROMOÇÃO DA PM E CBM



Durante reunião na tarde desta quarta-feira, 07/11, os dirigentes das Entidades de Classe de Minas Gerais (CSCS PM/CBM-MG, Aspra, UMMG, COPM, ASCOBOM) estiveram reunidos na cidade administrativa com o deputado Sargento Rodrigues e o Secretário de Governo, Danilo de Castro, para propor alterações no Projeto de Lei nº 31/2012, que trata do processo de promoção dos militares mineiros.
Dentre as emendas sugeridas pelo Deputado com o apoio das Entidades Representativas, estão à alteração no tempo de promoção de soldado para cabo e de cabo para sargento. Ao invés de oito anos como proposto no projeto 31/2012, as entidades pleiteiam o tempo de sete anos na graduação, defendendo a garantia para que, em uma carreira de praças, o soldado alcance a reforma como subtenente.
“A outra emenda apresentada diz respeito à manutenção da autonomia administrativa, financeira e orçamentária do Instituto de Previdência dos Servidores Militares (IPSM). Como já havíamos comunicados, repudiamos quaisquer mudanças na nossa previdência, que foi criada pela classe e merece o respeito do governo”, lembrou o diretor administrativo do CSCS PM/BM-MG, Cabo Amaury Oliva, que representou o presidente Cabo Coelho nesta reunião.
De acordo com o Secretário Danilo de Castro, será agendado um próximo encontro para que seja discutido com as Entidades de Classe e o Deputado a reforma sugerida pelo Governo na previdência dos militares. “Continuaremos atentos e trabalhando para que os militares mineiros não sejam prejudicados por manobras financeiras/contábeis do Governo de Minas”, frisou Cabo Coelho.
Confira abaixo o ofício encaminhado ao Secretário de Governo, Danilo de Castro.