Destaques

quinta-feira, 19 de junho de 2014

DEPUTADO CABO JULIO SE REVOLTA COM TRATAMENTO DADO A AGENTE PRISIONAL

O Deputado Estadual CABO JÚLIO se mostrou revoltado e indignado com o tratamento dado pelo Estado ao agente de segurança penitenciário João Alcides Cardoso de Freitas, de 33 anos, baleado com tiro de calibre. 12, há mais de um ano, durante escolta de quatro presos para atendimento hospitalar. Uma tentativa de resgate dos detentos da Penitenciária de Segurança Máxima de Francisco Sá, região do Norte de Minas Gerais, no dia 29 de abril de 2013, surpreendeu os quatro agentes que saíam do hospital municipal escoltando os detentos. Cinco criminosos encapuzados, vestidos com roupas do exército e armados com carabina calibre 12, fuzil russo AK47, carabina com munição 44, pistolas 9 milímetros e bombas de dinamite, chegaram ao local gritando e atirando na direção do carro dos agentes. Na troca de tiros, dois detentos foram mortos e dois servidores baleados. LEIA MAIS AQUI