Destaques

sábado, 21 de junho de 2014

Maria UPP revela seu sonho: subir ao altar com um PM e ter filhos

A revelação das suas aventuras sexuais com PMs lotados em Unidades de Policia Pacificadora, o rompimento de relações com a família e a gravação de um filme pornográfico. A vida de Patricia Alves mudou muito desde que o MEIA HORA contou, em primeira mão, a história da Maria UPP. Mas, mesmo com tantas novidades, a musa, de 23 anos, não abre mão de um sonho que pretende realizar em breve: subir ao altar. E o noivo, é claro, tem que ser da PM.
"Toda mulher sonha em casar um dia, por que eu não iria ter esse sonho? Quero casar em breve", avisa a Maria UPP, que já tem seus pretendentes. "Alguns me pediram em namoro e tem dois que sempre me ligam, dizem para ir morar com eles. Ainda não decidi, porque tem que escolher com cuidado."
Da preferência da Maria UPP por policiais militares todo mundo já sabe. Só que não basta vestir a farda da PM, tem que preencher outros pré-requisitos da exigente noiva: "É claro que quero casar com um polícia, mas não é por isso que vai ser qualquer um. Tem que ser um que aceite o que eu já fiz e respeite. Tem que querer ter filhos também e ser bonito, porque eu não sou de ferro."
Depois de passar uma semana gravando em São Paulo , o filme adulto para a produtora Brasileirinhas, a ‘musa pacificadora'

 "Vou usar esse dinheiro (o cachê da Brasileirinhas) para estabilizar um pouco a minha vida. Não é muito, mas já posso deixar de morar de favor, alugar um apartamento e procurar um emprego", diz ela.