Destaques

domingo, 6 de julho de 2014

As perguntas mais frequentes nos concursos e dicas para você alcançar o cargo que tanto deseja.



As perguntas mais frequentes nos concursos e dicas para você alcançar o cargo que tanto deseja.
Você não sabe como é uma entrevista? Não sabe quais são as perguntas?
Não é preciso saber ou decorar as perguntas e respostas. Você tem apenas que expressar fatos e atitudes positivas e aplicá-las em seu modo de vida.

Veja abaixo as perguntas mais frequentes nos Concursos

1- Fale-me um pouco sobre você!
Faça uma apresentação pessoal sua de aproximadamente 5 minutos; fale de sua vida pessoal, sua família, trabalho, cursos, pretensões profissionais, objetivos e principalmente, o que planeja para a empresa a qual está se candidatando.

2- Quais são seus objetivos a curto, médio e longo prazo dentro da corporação (GCM, PM, AEVP, ASP, etc)?
Diga até onde chegou profissionalmente, todas as suas conquistas profissionais e os planos que deseja para o seu futuro dentro da empresa que está se candidatando.

3- O que levou você a se candidatar para esta vaga? (GCM, PM, AEVP, ASP, etc)?
É agora que você deve demonstrar conhecimento da empresa que se candidatou, mostrar que conhece sua atividade, história, missão e valores. E que todos estes valores se encaixam com a sua personalidade, ética e ambições profissionais. Procure dar exemplos.

4- Qual foi a decisão mais difícil que já tomou até hoje no trabalho?
Pretende-se nesta pergunta investigar uma situação a qual o candidato vivenciou: um problema em sua empresa anterior, uma situação difícil em que teve que tomar uma decisão e como reagiu a esta pressão. Você deve ser capaz de analisar as consequências e decidir de forma racional e da melhor forma possível.

5. O que procura neste emprego? (GCM, PM, AEVP, ASP, etc)?
Os candidatos geralmente buscam desenvolvimento profissional, pessoal, desafios, envolvimento, participação em um projeto da organização, projetos sociais, sucesso, contribuição para o crescimento da organização, oportunidade de mostrar os conhecimentos que adquiriu e coloca-los em prática.
Procure realmente os motivos que o levaram a buscar esta vaga, além de salário e estabilidade que já é algo que o selecionador sabe e não precisa ouvir; fale coisas que você admire na organização, pesquise sobre ela, entre no site e se inteire sobre seu futuro emprego.

6. Você é capaz de trabalhar sob pressão e com prazos definidos?
Se disser não, melhor pensar melhor se este é o emprego que deseja.
Demonstre-se capaz de trabalhar por prazos e dê exemplos de situações vividas em trabalhos anteriores onde sofreu pressão com prazos no trabalho e como os superou.

7. Dê-me um motivo para escolher você em vez de outro candidato.
Esta pergunta é como um golpe fatal nas entrevistas. Você não é melhor e nem pior do que ninguém nunca se esqueça disso. Diga o quanto você conhece da empresa, o que pode acrescentar, suas metas, seus cursos, seus projetos para o futuro e como todo este investimento pode ajudar a organização que contratá-lo.

8. O que você faz nos seus momentos de lazer?
Sempre responda com sinceridade, pois isso demonstra confiança, ética, respeito com o entrevistador, capacidade de gerir o seu tempo, preocupações com o seu desenvolvimento pessoal e relacionamento interpessoal.

9. Dê-me três qualidades suas.
Fale de todas as qualidades que são exigidas no perfil da vaga e que você tem.
Ex: Proatividade, empenho, determinação, responsabilidade, entusiasmo, criatividade, persistência, dedicação, iniciativa, pontualidade, competência.
Não invente qualidades, se não tem as qualidades exigidas, busque obtê-las e trabalhe na melhoria do seu perfil profissional.

10. Qual o seu defeito?
Partimos do pressuposto que todos os seres humanos têm defeitos e ninguém é perfeito. O perfil da vaga busca sempre o ser humano perfeito, o super-herói. Como ninguém é perfeito, busque uma qualidade menor e a disfarce de defeito.
Ex: Exigente demais, perfeccionista, autocrítico, persistente demais, motivado demais, gosta de organização em tudo, etc.

11. Conte-me sobre a sua última ou atual experiência profissional?
É neste momento que muitos candidatos aproveitam para falar mal da sua última empresa. Trabalhar nem sempre é feliz, temos problemas na organização, em casa, na família, na faculdade, ou seja, temos problemas em todos os lugares, pois faz parte da vida.
As pessoas que tem sucesso buscam a solução, as fracassadas focam no problema. Esta é a grande diferença entre vencedores e candidatos que nunca vão sair do cargo que estão.
Fale tudo que aprendeu, que conquistou e dê um motivo válido para ter saído. Fale somente coisas positivas.
Lembre-se sempre. A sua futura organização daqui a alguns anos pode ser o seu antigo emprego e você tem a tendência de falar mal dele também.

12. Qual foi a sua melhor experiência profissional até hoje?
Tenha foco no que o cargo exige e conte experiências que sejam válidas no cargo que você busca e aos objetivos da organização.

13. O que você acha do suicídio?
Aqui você tem que pensar na sua  família, vida, nas pessoas que amam você e elaborar uma resposta que siga os princípios de suas crenças e ideais.

14. Porque você quer entrar na PM?
Você tem um desejo de entrar na pm, pense de onde veio esta vontade, porque você quer entrar e o que chama atenção na corporação, entre outras coisas.


Dicas para uma boa entrevista

Quase todas as empresas têm sites e é lá que você vai buscar informação correta e confiável de seu novo emprego.
Mostre interesse, conhecimento e atitude conhecendo a sua futura empresa para se destacar na entrevista e poder responder as perguntas com segurança.
Escreva todas as perguntas que você tem dificuldade para responder e treine na frente do espelho, grave no celular e assista depois, peça para algum amigo fazer o papel de entrevistador; Seja criativo e esteja bem preparado.
Pense nos seus pontos fracos, como por exemplo falar na frente de muitas pessoas e comece a desenvolver estes pontos fracos para não ser pego em uma entrevista ou dinâmica de grupo.
Atualize o seu currículo constantemente e leia o currículo antes da entrevista para não dizer “esqueci quando entrei nesta última empresa”.
Fale somente das experiências que são validas para este cargo novo que você vai se candidatar.
Muitos candidatos pararam de estudar e não estudam mais. Se atualize com o mercado de trabalho. Se para quem estuda já é difícil arrumar um bom emprego, imagine se você parar no tempo.
Busque cursos, leia livros, procure manter o seu cérebro em atividade, pois assim como os músculos, quando você para de treinar, ele “enfraquece” e você candidato vai ficar atrás de outros que tem metade da sua idade e tem um currículo que vai literalmente atropelar o seu. Perder a vaga para um candidato mais jovem, com menos experiência, porém extremamente bem preparado é uma rotina constante no mercado de trabalho.
O candidato também pode perguntar sobre a organização, não é só o entrevistador que faz as perguntas, mas tudo tem seu tempo certo, espere o entrevistador te dar esta liberdade de fazer perguntas.
Você pode perguntar, por exemplo:
Alguma dúvida sobre um departamento específico. Mas deve ter se informado no site antes, para trocar algumas informações com o entrevistador.
Perguntar sobre as pessoas que trabalham na equipe;
Com que frequência às pessoas progridem na organização;
Você pode fazer perguntas simples que tenha dúvida depois de ter conhecido e pesquisado no site da organização.
Todas as pessoas trabalham em equipe, então não diga eu faço, fiz tudo na empresa anterior, tudo passava por mim, sem a minha presença a empresa iria fechar, eu sou o máximo, eu faço tudo acontecer.
Você não é e nunca será insubstituível, então tenha um pouco de bom senso e fale em como você com sua equipe conquistaram mudanças e bateram as metas estabelecidas.
Só fale de notícias positivas que você viu no site da sua futura organização.