Destaques

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

Não seja mais uma vítima do golpe "trabalhe em casa"

A Fundação PROCON/SP tem alertado a população sobre "empresas" fraudulentas que fazem anúncios em postes, cartazes, revistas e até pela internet, com o seguinte título: "Trabalhe em Casa".A promessa é de alto salário para que o interessado realize trabalho em casa. Para inicio imediato da atividade, o pretendente tem que efetuar um depósito bancário correspondente ao material de trabalho e só depois descobre que foi vitima de um golpe. 

Jamais concretize qualquer tipo de negócio por telefone. Solicite endereço da empresa para fazer uma visita. Peça o número do CNPJ para posterior consulta na junta comercial. Procure informações da empresa no PROCON para saber de sua idoneidade. A associação comercial e industrial de sua cidade é um órgão importante a ser consultado.

Este tipo de fraude é desenvolvida para enganar pessoas como você, que buscam formas de aumentar sua renda, trabalhando mais algumas horas a partir de casa.
Para evitar ser vítima de um golpe, você precisa de estar atento e de desconfiar de promessas que pareçam boas demais para ser realidade. Essa é uma das premissas fundamentais do mundo do negócios e do trabalho: quando você está perante uma oportunidade muito boa, desconfie sempre! Geralmente, quando algo parece bom demais para ser verdade, existe algo errado.
Golpe do Cartaz "Trabalhe em Casa"Alguns exemplos do tipo de propaganda que costumam esconder um golpe trabalho em casa são frases como essas: “Ganho 500 reais por dia, trabalhando uma hora por dia em casa. Me pergunte como”, “Mãe desempregada ganha 10.000 reais por mês”, “Estudante ficou milionário com nosso sistema de trabalho”. Todos esses anúncios prometem grandes lucros, sem grande esforço e esse é o principal ponto que esses tipos de fraudes têm em comum.
Se fosse assim tão fácil rico, sem sair de casa, então por que é que as pessoas ainda procurariam empregos? Basta pensar um pouco, para perceber que esse tipo de promessa está completamente deslocada da realidade.
Infelizmente, quem procura hoje um verdadeiro trabalho online está bastante exposto a um golpe. Isso pode gerar um sentimento de desespero, que só leva você a tomar decisões erradas.
Quando você pensa finalmente ter encontrado um trabalho verdadeiramente legítimo, fará tudo o que for necessário para agarrar essa oportunidade, ainda que isso signifique pagar algum dinheiro.
A grande questão é simplesmente: será que algum trabalho real e legítimo, vai exigir que você pague para começar a trabalhar? A resposta é apenas uma só: não!
Mas antes de avançarmos, convém esclarecer uma questão: como “trabalho”, entendemos a realização de um determinada tarefa em troco de uma remuneração. Nesse tipo de situação, você nunca deve pagar nada, porque você apenas pretende trabalhar.
Agora, quando você procura entrar em um negócio, então será sempre necessário fazer algum tipo de investimento. Isso é algo que acontece em qualquer negócio e portanto é perfeitamente natural.
Agora, que já separamos essas duas situações, podemos voltar ao nosso assunto: o golpe trabalho em casa.
A fraude mais comum, nesse tipo de situação consiste na promessa de um bom rendimento, em troca da realização de uma tarefa simples. Para ter acesso a essa oportunidade, o anunciante pede que a pessoa pague uma determinada quantia, para que o material necessário à realização da tarefa seja enviado.
Algum tempo depois, a vítima irá receber “o material de trabalho”, que consiste apenas em instruções que mostram como publicar mensagens idênticas e enganar outras pessoas, mantendo a fraude ativa.
Felizmente, a maioria das pessoas que são enganadas são suficientemente corretas para não darem continuidade ao esquema, mas infelizmente ainda existe quem promova o golpe.
Mas nem todo o golpe é assim tão simples. Ao longo dos anos essas fraudes têm ficado cada vez mais complexas e difíceis de identificar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opinião acerca da publicação acima.