Destaques

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

SP: tiroteio na sé

Não tenho nada a declarar,revoltado só isso, muita gente fala que os policias erraram em não atirar antes,mas depois que o VAGABUNDO matou um cidadão os policias atiraram e ainda estão sendo duramente criticados imagina o que aconteceria se a policia atirasse antes, esse país não tem mais jeito não pessoal negocio e geral se mudar.



Observação da ocorrência da SÉ;
Não importa o que a Polícia Militar faça, sempre será criticada, pior que ninguém sabe como funciona o protocolo de treinamento e vem dizer que achava isso ou aquilo, que foi falha ou etc... Os policiais no local estavam negociando com o infrator da lei, isso se chama gerenciamento de crise, mas o senhor herói entrou na frente em luta corporal com o bandido e isso fez ele atirar, após disparos do criminoso ai sim a polícia dentro do protocolo hierárquico possui autonomia para revidar e inibir a agressão. Quando existem reféns a Polícia deve manter uma determinada distância para negociar e evitar que o bandido tenha um surto psicótico e faça algo pior. Quando a PM estava mantendo a distância e negociando esse cidadão pulou na frente e deu no que deu, talvez nem tiros iriam ter, mas o jeitinho brasileiro é fazer justiça com as próprias mãos e deu nisso, nunca afronte uma pessoa desequilibrada e com um refém na mão, calma, distância e uma ótima negociação evitaria qualquer tipo de agressão. Nesse caso se houve falha como alguns jornais hipócritas estão dizendo, pode ter certeza que não foi dos pm's. Esse homem foi guerreiro, herói, morreu salvando, mas foi errado o que ele fez. A polícia já estava operando a situação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui sua opinião acerca da publicação acima.